quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Bons augúrios!

No Ano Novo que está a caminho, vamos deixar que aflorem emoções e sentimentos que experimentamos durante todo o ano, mas que não fomos capazes de externar, como gostaríamos, por falta de tempo ou de oportunidade. Pequenos gestos, uma mão estendida, um olhar, um carinho, um sorriso, um abraço pleno de afeto e agradecimento, por tudo o que recebemos sem que nada tenha sido pedido em troca.

Sim, pequenos gestos que brotam da alma, capazes de iniciar a transformação da qual tanto precisamos para sermos pessoas melhores e tornarmos felizes quem nos rodeia. Vamos despir a casca que criamos, ao longo de todos esses anos em que acumulamos ressentimentos, mágoa, solidão, desamor, insegurança, isolamento, preconceito, descrença, deixando-nos envolver por uma nova pele, diáfana, cristalina, palpitante de luz, justiça, solidariedade, paz e harmonia...

Desate os nós, estenda as mãos, abra os braços.
Conquiste. Compartilhe. Ampare. Ouse. Ame. Lute. Viva!

Desejo que o Ano de 2011 seja pleno de saúde, alegria, paz, realizações e novas oportunidades.

Fraterno abraço,



Vulmar Leite

Um comentário:

Prof Ms João Paulo de Oliveira disse...

Prezado engenheiro Vulmar Leite!
Agradeço e retribuo os auspiciosos votos de dias melhores e harmoniosos!!!!...
Calorosas saudações esperançosas!
Até breve...
João Paulo de Oliveira
Diadema-SP